Carlo Crepaz

Carlo Crepaz – * Ortisei Delomiti, Itália, 06 de abril de 1919 + 09 de setembro de 1992

Filho de Giacomo Crepaz e Adelinda Sotriffer. Escultor, pintor e professor.  Em 1931, concluiu o curso de Arte na Escola de Belas Artes da cidade natal.  Depois de se dedicar à escultura na Itália, onde expunha e recebia encomendas para obras públicas e privadas, decide transferir-se para o Brasil.

Em 1951 chega a Vitória, passando a professor de esculturas obras Pavonianas, no Santuário de Santo Antônio.  Entre 1961 e 1981, leciona a disciplina de Modelagem e Escultura na antiga Escola de Belas Artes em Vitória, que ajudou a fundar e depois, no Centro de Artes da Universidade Federal do Espírito Santo. Naturaliza-se cidadão brasileiro.

Em sua produção escultórica tem destaque a figura humana, especialmente os bustos de pessoas ilustres, além de figuras de temática saera e vultos históricos. Seu estilo manteve-se sempre preso aos padrões clássicos, não revelando nenhum apreço pelas simplificações, geometrizações e estilizações modernistas. A pintura foi atividade paralela, mas secundária na carreira do artista, comparada à escultura. No entanto, deixou dois quadros de temática religiosa no Santuário de Santo Antônio: o santo pregando aos peixes e a mula ajoelhada diante do Santíssimo Sacramento (1952). Pelos serviços prestados, recebeu o título de cidadão vitoriense, em 1965.  Em 1987, já aposentado, volta à Itália, falecendo na mesma cidade em que nasceu, em 1992.

Seu estilo manteve-se sempre dentro dos padrões clássicos. Deixou mais de 150 obras em várias cidades do Espírito Santo, em outros estados brasileiros e países, principalmente bustos, santos e monumentos públicos em madeira ou bronze.

Monumentos

Afonso Cláudio

Cidade: Vitória

Homenageia o desembargador Afonso Cláudio. Busto colocado sobre pedestal de granito, alto e com floreiros laterais, no centro de canteiro redondo, formando conjunto com mais três canteiros iguais.

Ao Colono Imigrante

Cidade: Domingos Martins

Estátua construída em 1954, pelo escultor europeu Carlo Crepaz, para homenagear os colonos alemães.

Arthur Gerhardt

Cidade: Domingos Martins

Prefeito de Domingos Martins em duas oportunidade.

Cel Antenor Guimarães

Cidade: Vitória

Empresário capixaba de família tradicional, foi comerciante e exportador de café.

Dona Domingas

Cidade: Vitória

Catadora de papel muito conhecida em Vitória, percorria as ruas diariamente.

Dr Hervan Wanderley

Cidade: Vitória

.

Ernestina Pessoa

Cidade: Vitória

Formadora dos primeiros escoteiros no Espírito Santo

Euryclides de Jesus Zerbini

Cidade: Vitória

Foi o quinto médico do mundo a realizar o transplante de coração.

Índio (Arariboia)

Cidade: Vitória

Não há comprovação que o autor tivesse intenção de homenagear o índio Araribóia, mas a população capixaba lhe deu este nome.

Jair Andrade

Cidade: Vitória

Médico humanitário, foi prefeito de Vitória no período de 13 de junho de 1966 a […]

Papa Pio XII

Cidade: Vitória

O Papa Pio XII, vestido com os paramentos papais detalhadamente representados, faz o gesto de benção, não à cidade, mas ao porto. No pedestal encontram-se os símbolos papais.

Pedro Feu Rosa

Cidade: Vitória

Médico capixaba.

Santos Dumont

Cidade: Vitória

O Pai da Aviação

Ubaldo Ramalhete Maia

Cidade: Vitória

Foi interventor federal no Espírito Santo.


  • Apoio

    Actual Contabilidade
  • Patrocínio

    Lei Rubem Braga Prefeitura de Vitória Grupo CJF Vale
  • Realização

    Ofício Comunicação e Cultura