Após denúncia de A Gazeta, Cruz do Papa recebe reparos

6 de maio de 2017

Reportagem de Raquel Lopes, jornal A Gazeta
Foto: Marcelo Prest, jornal A Gazeta

A Gazeta, 06 de maio de 2017

A Cruz do Papa e o Memorial da Paz que estavam pichados e em estado de aparente abandono na Praça do Papa, na Enseada do Suá, Vitória, receberam limpeza ontem pela Prefeitura da Capital.

O fato ocorreu depois que o jornal A GAZETA mostrou que os dois pontos estavam sendo pichados, servindo como locais para uso de drogas e com muito lixo espalhado por todos os lados. A base de sustentação da Cruz do Papa está tendo as pichações apagadas. Antes disso, ao circular pelos monumentos era possível ver diversos rabiscos e frases que ganhavam espaço e chamavam a atenção de quem passava pelo local.

MEMORIAL DA PAZ
Ao lado da cruz, no Memorial da Paz, o problema também começou a ser resolvido. Um buraco que havia sido feito na parede foi fechado. Ele era usado como ponto de usuários de drogas. Na quinta-feira, inclusive, a reportagem havia flagrado ontem um usuário de drogas no local, que abrigava muita sujeira por todos os cantos e havia muitas fezes e latas queimadas.

A limpeza também foi realizado no entorno do memorial. Latas, caixas de papelão, garrafas, marmitex, pedaços de panos, galhos, folhas secas e até preservativos usados foram retirados do local pela equipe de limpeza.

PREFEITURA
Segundo o secretário de Turismo, Trabalho e Renda, Leonardo Krohling, foi fechado o buraco na parede no Memorial da Paz, as pichações estão sendo retiradas e a limpeza foi feita.

No entanto, ele aponta que em até 60 dias será realizada a restauração, com pintura e a colocação de mosaicos de granito, que haviam sido retirados após depredações que ocorreram no local.“O Instituto Baleia Jubarte irá assumir o espaço Memorial da Paz para estudar e monitorar baleias.

Eles assumem este mês e com a atividade rotineira é possível evitar que aconteça algumas coisas, como a depredação e o uso de drogas”, afirma.

Deixe um comentário

  • Apoio

    Actual Contabilidade
  • Patrocínio

    Lei Rubem Braga Prefeitura de Vitória Grupo CJF Vale
  • Realização

    Ofício Comunicação e Cultura