Beija-flor é arrancado de escultura de Augusto Ruschi

5 de abril de 2017

Reportagem Tatiana Moura, jornal A Gazeta
Foto: Vitor Jubini

Você conhece a escultura “O Beijo”? Ela fica dentro do Parque Pedra da Cebola, em Vitória, em homenagem ao ecologista e naturalista Augusto Ruschi, que aparece beijando um beija-flor.

No entanto, a ave quem compõe a escultura foi roubada desde dezembro do ano passado e até hoje a imagem permanece incompleta em um dos cartões-postais da Capital. O vandalismo foi relatado por uma telespectadora da TV Gazeta. Elizabeth Pinto Andrade, 70 anos, conta que costuma fazer caminhadas no parque e ficou decepcionada ao ver que um monumento tão importante foi destruído parcialmente. “O beija-flor já tinha sumido da escultura outra vez e a prefeitura repôs. Acredito que quem depreda o patrimônio público deve ser penalizado, mas o complicado é achar quem fez isso. Faltam educação e bons valores nas pessoas”, diz.

A aposentada aponta que, após a prefeitura realizar o reparo necessário, é preciso que a escultura seja transferida. “Minha sugestão seria colocar o monumento mais próximo à administração, e em um local com câmeras, porque ele fica no final do parque, onde há pouca visualização. Esse monumento é muito importante e deveria ter mais atenção, mas o que estamos vendo é que ele está sendo pouco valorizado, tanto é que já foi vítima de depredações.”

Em nota, a Secretaria Municipal de Cultura informou estar ciente do desaparecimento do beija-flor que compõe a escultura “O Beijo”. Informou ainda que, no momento, está no processo para a captação de recursos para a execução do restauro do monumento. Não foi informada a data em que o beija-flor será devolvido à escultura.

Deixe um comentário

  • Apoio

    Actual Contabilidade
  • Patrocínio

    Lei Rubem Braga Prefeitura de Vitória Grupo CJF Vale
  • Realização

    Ofício Comunicação e Cultura