Farol de Santa Luzia reabre para visitação em Vila Velha

16 de novembro de 2016

Foto: Wilton Prata/Monumentos Capixabas

Texto extraído do Gazeta OnLine – Reportagem de Carla Sá

O farol de Santa Luzia, na Praia da Costa, Vila Velha, irá reabrir para visitação neste fim de semana. O local, que ficou fechado por 10 anos, passou por reformas e adequações para receber o público.

Quem quiser desfrutar da bela vista área onde está o farol e conhecer a estrutura externa poderá ir até lá de terça a domingo, com entrada das 9h às 16h30, gratuitamente. “A prefeitura com o apoio do governo do Estado fez as modificações necessárias, pintamos, adequamos a acessibilidade entre outras coisas”, diz o prefeito de Vila Velha, Rodney Miranda.

Ele conta que o local onde fica o farol ganhou um espaço especial que deverá virar point de fotografia para visitantes. “Tem um deque que simula uma embarcação, com um leme”, explica. Outra novidade é uma exposição permanente de nós de marinheiro nas paredes na entrada do farol.

“Tenho certeza que vai voltar a ser um dos pontos turísticos que são marca da cidade, como é o Convento da Penha”, diz o prefeito.

Somente serão permitidos grupos de até 25 pessoas por vez na visitação, com tempo de permanência máximo de 20 minutos. Turmas maiores, como as vindas de escolas, por exemplo, terão que agendar a visita.

Na tarde desta quinta-feira (17) acontece uma cerimônia de inauguração para convidados.

História
O Farol de Santa Luzia foi erguido em 1870, tem 17 metros de altura e alcance de 32 milhas marítimas. Suas lâmpadas servem de orientação para os portos de Vitória, Vila velha e Tubarão.

O local é propriedade da Marinha e as intervenções e abertura para visitação só foi possível após acordo da prefeitura coma Capitania dos Portos.

A partir de sábado
As visitas começam no fim de semana, dia 19 de novembro, com entrada das 9h às 16h30. O farol fica na Praia da Costa, na R. Fernando Monteiro Lindenberg, 10, na subida depois da casa do governador.

Grupos
Serão permitidos grupos de no máximo 25 pessoas por vez e as visitas devem durar até 20 minutos.

Roupas
Por ser área militar, não será permitida a entrada com roupas de banho ou sem camisa.

Deixe um comentário

  • Apoio

    Actual Contabilidade
  • Patrocínio

    Lei Rubem Braga Prefeitura de Vitória Grupo CJF Vale
  • Realização

    Ofício Comunicação e Cultura