Farol será reaberto em 2016

14 de julho de 2015

Foto acima: Site da Prefeitura Municipal de Vila Velha
Reportagem: – jornal A Gazeta – Alexandre Lemos

O Farol de Santa Luzia, localizado na Praia da Costa, em VilaVelha, será reaberto para a visitação ao público até o final do primeiro semestre do ano que vem. Ele está fechado desde 2009. Ontem, um Termo de Cooperação Técnica entre a prefeitura do município e a Capitânia dos Portos foi assinado com o objetivo de retomar o potencial turístico do local.

De acordo como secretário de Desenvolvimento Sustentável, Jader Mutzig, o mais difícil foi chegar até a assinatura do termo. “Percorremos um longo caminho junto à Controladoria Geral da União, ao Instituto do Patrimônio, Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e à Marinha do Brasil”, conta.

Ele explica que para ser reaberto será necessária a realização de obras de adequações nas áreas de segurança e acessibilidade. “O projeto contempla um espaço seguro e que todos possam frequentar”, afirma.

RECURSOS

Ao todo, serão gastos com as obras de readequações R$ 150 mil, que serão captados em parceria com o governo do Estado. “Caso o dinheiro não seja do próprio governo, a Secretaria de Estado de Turismo buscará parcerias com a iniciativa privada”, relata.

Após a captação e liberação dos recursos, a prefeitura vai licitar a obra, ainda até o final deste semestre.

TURISMO

O Farol de Santa Luzia, que pertence à Marinha, fica entre o final da Praia da Costa e o Morro do Moreno, e proporciona uma bela vista para a Baía de Vitória.

“De lá avistamos uma beleza cênica fantástica. Conseguimos contemplar o mar e as montanhas”, disse Mutzig.

O farol foi construído em chapas de ferro fabricadas na Escócia, erguido em 1870 e inaugurado em 1871. Com 17 metros de altura e alcance de 32 milhas marítimas é iluminado por lâmpadas 300 watts e quatro focos servindo de orientação para navegação direcionada aos portos de Vitória, Vila Velha e Tubarão.

“Acredito que a reabertura do farol vai potencializar não só o turismo da cidade, como também do Estado”, explica Mutzig.

“Por haver um valor histórico e cultural, não descartamos a possibilidade de trabalharmos para o tombamento do monumento”, finaliza o secretário.

A Gazeta 14 de julho de 2015 – Capa

A Gazeta 14 de julho de 2015

Foto abaixo: Edson Chagas/Jornal A Gazeta

Farol Santa Luzia - Foto Edson Chagas A Gazeta

Deixe um comentário

  • Apoio

    Actual Contabilidade
  • Patrocínio

    Lei Rubem Braga Prefeitura de Vitória Grupo CJF Vale
  • Realização

    Ofício Comunicação e Cultura